Artigos

Contatos

Blog da Professora Terezinha
Graduada em Pedagogia. Pós-Graduada em Educação Pré-Escolar. Pós-Graduada em Administração Escolar. Atualmente Coordenadora Pedagógica da Educação Infantil e Ensino Fundamental I no Colégio Nossa Senhora de Lourdes, em Lavras - MG.
Visualizar meu perfil completo
Tecnologia do Blogger.

Visitas

terça-feira, 8 de junho de 2010

postheadericon SEU FILHO ADOECE MAIS AO ENTRAR PARA A ESCOLA?

O DOUTOR RESPONDE

A falta de exposição da criança a agentes infecciosos aumenta a chance de ela ter uma doença?
Dr. Evandro Baldacci - Sim, a criança menos exposta pode ter mais doenças. Veja o exemplo das populações indígenas que nunca tivera contato como vírus da gripe. Quando em contato com ele, é certo que terão uma mortalidade muito alta. Ao passo que o mesmo vírus numa população que vive na cidade, onde as pessoas já têm contato com ele, não resultará numa situação tão grave. Com a criança é a mesma coisa. È fácil verificarmos isso nos dois primeiros anos escolares. Quando ela vai à escola, começa a ser expota a uma maior quantidade de agentes infecciosos e sofre com mais infecções, o que é normal. Isso ocorre porque o sistema imunológico dela está tendo repetidas experiências com diferentes agentes. A medida que o sistema acumula experiência, a criança contrai menos doenças.

Revista Família Cristã - junho de 2010

0 comentários: